sexta-feira, 28 de novembro de 2014

O PÁSSARO E A CORUJA (*)

QUEM ENTRAR AQUI ME HONRARÁ. QUEM NÃO ENTRAR ME PROPORCIONARÁ UM ÊXTASE INDESCRITÍVEL – Baseamos nossa autoestima na imagem que os outros têm de nós. Quem não permite que sua felicidade dependa da aprovação alheia está sempre no melhor dos mundos. Certo dia, uma coruja encontrou um pássaro que lhe perguntou: - Aonde você vai? - Estou me mudando para o leste – disse a coruja. - Por quê? – perguntou o pássaro. - As pessoas aqui não gostam muito dos sons que eu faço. Por isso vou para o leste. - Se puder mudar sua voz, tudo ficará bem. Mas, se não puder, mesmo indo para o leste, vai acontecer a mesma coisa, pois as pessoas de lá também não vão gostar. (*) Copydesk/Fragment by Escritor/Jornalista EUGENIO SANTANA, FRC – Registro MTb 1319/JP