segunda-feira, 18 de agosto de 2014

SHAMBALA EXISTE NO CÉU QUE NOS ESPERA (*)

Estou radicado em Iubidi. Um desprazer desnecessário. Ou cumprimento de carma. Até quando? Ainda não tenho resposta convincente e plausível. Prefiro permanecer na aura e na área dos Mistérios. Reticente. Uma convicção cultivo, para sempre, na bagagem do coração: tenho laços eternos com duas pessoas que, inefáveis, marcaram a minha vida... E o planeta tão imenso e, eu, tão intenso! Sei que Shambala existe no Céu que nos espera. Ou não. Hoje, senti saudades de Garcia Marquez, e afirmo: A cidade de Iubidi é consumista, capitalista, arrivista, medíocre e hipócrita; fria e robotizada. É a Roma antiga? Talvez eu vá pra Shangrilá muito antes do planejado me levar.
(*) EUGENIO SANTANA é jornalista, escritor e comendador da Ordem Ka-Huna do Poder Mental.