domingo, 1 de janeiro de 2012

O FRACASSO É UM INGREDIENTE DO SUCESSO, FATOR PRINCIPAL DO RECOMEÇO


A palavra “fracasso” significa mau êxito; malogro; ruína. As palavras “falências” e “falível” têm a mesma origem. O sentido é de não atingir o fim desejado. Mas será que fracasso é apenas a falta de sucesso? Não é simplesmente o ato de fazer algo errado ou de não completar aquilo que havíamos planejado fazer? Talvez não.

Muitas pessoas atingiram metas significativas, mas não encontraram satisfação nelas.

Este também é um dos lados do fracasso. É como escalar uma montanha, chegar até o cume e, então, descobrir que escalou a montanha errada.

Você já se sentiu assim? Já investiu em um relacionamento, em uma carreira ou em um empreendimento que o tenha deixado completamente desapontado? Se já, é bem possível que tenha feito a pergunta: “A vida é apenas isso?”.

A resposta é não. O fracasso não é apenas a dor de uma perda, mas também a dor de um recomeço. O fracasso tem muito a ver com a perspectiva que temos dele.

O fracasso é um ingrediente do sucesso, fator principal do recomeço. Muitas pessoas bem-sucedidas dizem que a chave para tomar decisões acertadas na vida está no fato de termos feito algumas decisões erradas.

Portanto, considere esta pergunta: ”O que você pode fazer para rever a maneira como você enxerga o fracasso?”

Essa é a sua vida, e esses são seus fracassos. Não vai aparecer nenhum helicóptero para resgatá-lo. Nenhum gênio sairá da lâmpada para ajudá-lo. Não existem borrachas mágicas que façam as coisas desaparecerem.

Essa é a sua vida. Não dá para evitá-la. Então, mergulhe dentro dela e recomece. Dê um passo de autoconfiança, confie em Deus, tente novamente na área em que você fracassou. Um pequeno passo prático vale por cem discursos de incentivo que você pode fazer a si mesmo.

“No rio da vida existem fortes correntes que, quando não são enfrentadas, nos carregam rio abaixo. Podemos escolher ser vítimas passivas dessas correntes ou começar a avançar contra elas com determinação.”

(Jornalista e Escritor Eugenio Santana)